Aprenda a fazer um gostoso chimarrão com Erva-Mate

1) Realizar uma higiene completa (com água fervida) na Cuia e na Bomba e após enxugá-las bem, a Cuia pode ficar emborcada até secar.
2) Ponha-se uma quantidade de Erva-Mate na Cuia, mais ou menos uns dois terços da capacidade da mesma.
3) Ajeitar a Erva de um lado da Cuia, protegendo com uma das mão abertas sobre a boca do porongo para que não caia fora a Erva pois a Cuia deve ficar em posição inclinada. Pode-se utilizar a própria Bomba para acomodar a Erva. Deixar acumular um maior volume de Erva, o barranquinho do lado desejado, de preferência à esquerda deixando o espaço vazio à direita, espaço esse desde a borda até o fundo.


4) Continuar apoiando o topete, o barranquinho, com a mão e despejar vagarosamente um um pouco de água morna ou fria no espaço entre a Erva e a lateral da Cuia. (nunca se usa água muito quente para começar, pois ela queima a Erva, ocasionando um gosto muito amargo e logo logo deixa o mate lavado.
Após colocada a água até a metade mais ou menos continue apoiando bem a Erva e inclina-se em horizontal a Cuia até que a água chegue a borda do barranquinho, então parasse um movimento nesta posição, com este processo a Erva firma-se em sentido vertical, como se fosse cimento na parede.
5) Deixe a Cuia recostada por alguns instantes, por meia dúzia de minutos mais ou menos, até que a Erva inche.
6) Após coloque a Bomba ao fundo, tapando o bico da mesma com o dedo polegar e absorva o pouco de água que ainda resta, cuspindo-a for.
7) Permanecer com a Cuia apoiada no suporte e novamente tapar o bico da Bomba, daí então despeja-se água quente, começando a Roda.
O primeiro Mate antes de começar a Roda é chamado "Mate de Zonzo", ou "Veneno do Mate". Geralmente o responsável pelo mate sorve o primeiro, cuspindo-o fora, até roncar a Cuia se necessário enche outro até ficar no ponto.
Tudo feito, Erva bem ajeitada na Cuia, a bomba no lugar certo o Mate-Amargo está pronto para ser servido, para começar a Roda de diálogo, de prosa, de namoro ou de concentração mental.